Criado em março de 1999, o Programa de Pesquisas em Caracterização, Conservação, Recuperação e Uso Sustentável da Biodiversidade do Estado de São Paulo, denominado BIOTA/FAPESP: O Instituto Virtual da Biodiversidade, é o resultado da articulação da comunidade científica do Estado de São Paulo em torno das premissas preconizadas pela Convenção sobre a Diversidade Biológica/CDB. Consequentemente utiliza o conceito de diversidade biológica e segue os três princípios fundamentais da CDB: conservação, uso sustentável e repartição justa e eqüitativa dos benefícios. Em 2009 a FAPESP renovou o apoio ao Programa, aprovando seu plano de metas e objetivos para 2020.

English
 

 

   OBJETIVOS do PROGRAMA
 

O objetivo maior do BIOTA-FAPESP é realizar o levantamento e caracterizar a biodiversidade do Estado de São Paulo, definindo os mecanismos para sua conservação, seu potencial econômico e sua utilização sustentável.

A relação de objetivos, meios e produtos apresentada a seguir não é exaustiva, se propõe a apontar linhas gerais de atuação no Programa.


Objetivos

* Estudar e conhecer a biodiversidade do Estado de São Paulo e divulgar este conhecimento e sua importância.

* Compreender os processos que geram, mantêm ou levam à perda de biodiversidade.

* Ampliar a capacidade de organizações públicas e privadas de gerenciar, monitorar e utilizar sua biodiversidade.

* Avaliar a efetividade do esforço de Conservação no Estado, identificando áreas e componentes prioritários para Conservação.

* Desenvolver bases metodológicas e padrões de referência para estudos de impacto ambiental.

* Produzir estimativas de perda de biodiversidade em diferentes escalas de tempo e de espaço.

* Subsidiar tomadas de decisão sobre projetos de desenvolvimento, especialmente os de desenvolvimento sustentável.

* Capacitar o Estado e organizações públicas e privadas para se beneficiar do uso sustentável de seus recursos biológicos genéticos.

* Capacitar o Estado para estimar o valor da biodiversidade e seus serviços, tais como conservação de recursos hídricos, controle biológico, etc.

* Capacitar as instituições do Estado a atender as disposições e instrumentos legais referentes a organismos vivos, tais como o depósito de espécimes.


 
Programa Biota/FAPESP . 1994 - 2009 . Todos os direitos reservados